Maringá, 06 de Agosto de 2020
OdontoAtual Della Pizza
 
Untitled Document
ADEMAR SCHIAVONE
Memórias de um bom sujeito
 

JAMAIS SE ABORREÇA PELO NEGÓCIO QUE NÃO FEZ.


MEMÓRIAS DE UM BOM SUJEITO
Em 1982 depois de idas e vindas incontáveis, chegamos à convenção do PDS com três candidatos a prefeito: Antonio Facci, Aníbal Bianchini da Rocha e eu. Era o último sábado do mês de julho. Estávamos, portanto, a pouco mais de sessenta dias para a eleição.
No dia da convenção, com o ginásio de esportes do Maringá Clube completamente lotado, uma festa enorme.  Além dos três candidatos a prefeito, dezenas de candidatos a vereadores e mais: Saul Raiz candidato a governador e João Paulino a vice, além do maior cacique do partido, Ney Braga que disputava o senado.
Dentre as torcidas organizadas, uma se destacava: a do bancário Jorge Vieira do Prado, apoiado pelos funcionários do Banestado, coordenados por Jurandir Rodrigues de Oliveira e Arnaldo Romualdo Martins, que comandavam a agencia centro.
Depois da festa, o drama insolúvel: Jorge Vieira do Prado não estava inscrito como filiado ao partido. O Sidnei Meneguetti, presidente do PDS estava furioso: como nos esquecemos da ficha do Jorge?
E o que era pior: Lindolfo Junior, outro candidato na nossa sublegenda, também não estava filiado.
Mas o que era mais grave, na ata da convenção, já assinada por todos, constava a lista de candidatos com o nome dos dois.
Dia seguinte, uma segunda-feira, nos reunimos para resolver o problema.
João Paulino, cacique maior do grupo, comandava com serenidade.
Precisávamos encontrar uma solução dentro da lei.
O jeito foi fazer uma ata do partido, datada de sessenta dias antes e nela constar o nome dos dois como filiados.
Forjada a ata, precisávamos obter o visto do Juiz Eleitoral na ficha de filiação, que também foram alteradas.
O trabalho seria executado por Sidnei Meneguetti presidente do partido, juntamente com o prefeito Sincler Sambatti e pelo candidato a vice-governador João Paulino.
Marcada a audiência lá foram os três parlamentar com o dr. Fernando Vieira, juiz eleitoral.
Depois de muita conversa retornaram e deram a boa nova: Jorge Vieira do Prado e Lindolfo Junior poderiam continuar em campanha: já eram candidatos. E foram ótimos candidatos.  Elegeram-se com sobras.
A oposição comandada pelo PMDB impugnou a eleição de José Alves dos Santos, como se ele houvesse sido inscrito irregularmente. Perderam tempo e deram o bote errado.
Lindolfo elegeu-se deputado estadual em 1966 e Jorge tentou e não conseguiu a reeleição em 88.
Essa foi mais uma dentre as tantas histórias da nossa política, que vivi ao longo da vida.


PRÉ-SAL UM ENGODO
A zona que está sendo feita no país com o chamado pré-sal, é uma brincadeira de mau gosto. Engana-se o sofrido povo fazendo com que todos acreditem que a descoberta do petróleo em mares profundos, vá resolver todos os problemas nacionais de uma vez por todas.
Enganação mesmo.
A extração do óleo no pré-sal é coisa para daqui a mais de dez ou quinze anos com certeza. O Luizinho e seus cooPTores está fazendo de tudo para transformar o fato no mote da campanha do ano de que vem.  Como fez com o PAC que resolveria todos os problemas de crescimento da economia e do povo brasileiro.
Nunca vi tanta enganação junta.
O pior é que acontece em todos os níveis. Prefeitos e vereadores, baseados no exemplo do chefe mor, apresentam projetos mirabolantes para um futuro incerto.
É uma enganação total: a cidade de 2030, o Brasil de 2050, o Paraná de 2040 e vai por ai.
Enquanto isso continua morrendo crianças, jovens e idosos nas filas dos abarrotados hospitais públicos pelo país afora.
As pessoas continuam sendo assaltadas nas cidades onde falta policial e ação do poder publico.
As estradas públicas continuam esburacadas.
As ruas e avenidas cada vez mais intransitáveis.
O lixo continua sendo amontoado à espera de solução.
E os governos ou desgovernos, continuam enganando o povo com promessas e planos impossíveis de se cumprir e fazer.
Falta tudo no nosso país.  Sobra apenas dinheiro para que os homens públicos passeiem pelo mundo afora em busca de novas e mirabolantes soluções que nunca chegam. Ou para criar novas estatais com a Petrosal, cujo objetivo é um só: dar mais emprego aos aliados e correligionários.
Ou para a estúpida compra de submarinos, navios e aviões para proteger o petróleo que está abaixo dos sete mil metros dentro do mar.
É a maravilhosa administração virtual que se pratica hoje no Brasil.  Em todos os níveis. Desde Brasília até o menor dos municípios.  O nosso inclusive.


TROVAS DE HUMOR -  A. A. de assis
A mulher, que é toda encanto,
lembra a abelha, meiga e boa:
dá mel gostoso, no entanto,
se for preciso, ferroa!

De dia reina a formiga;
De noite impera a cigarra.
De dia o trabalho, a briga,
De noite o gostoso, a farra!

Ao fim de qualquer mandato,
somando-se o dito e o feito,
no saldo exibe o relato,
muito mais dito que feito...


AS PODEROSAS
Mulheres poderosas são as que fazem a diferença na vida das pessoas.
Na minha vida pessoal, quatro delas.
Minha mãe, a leoa mais feroz do mundo, cuja história maravilhosa resumi no livro Memórias de um bom sujeito II, foi um exemplo de vida e de superação de limites.
A Cida, minha companheira, mulher, amante e amiga, a quem não canso nunca de amar, admirar e  reconhecer a sua importância na minha existência.
A minha neta preferida, a Camila – é a única e por isso a preferida – que neste mês completa dezesseis anos de vida. Vida linda e bem vivida.
A quarta mulher da minha vida é a minha filha preferida – também única – a Ana Paula.
Amanhã, dia 7, o da independência do Brasil, ela conclui uma nova e maravilhosa historia de vida: vai ser ordenada Pastora Evangélica.
Um verdadeiro prêmio à sua dedicação, persistência, tenacidade, vontade de servir a Deus, que é um marco na sua existência.
A Paula sempre foi elétrica, vibrante, líder nata que coloca o coração acima da razão e o amor a Deus e ao próximo acima de tudo.
Desde menina sempre foi assim:  nunca estudou muito mas nunca repetiu de ano. Passava raspando, mas passava.
Sua vida é uma luta constante.  Nunca está satisfeita com o estado atual.  Sempre quer saber mais. Sempre foi assim, desde pequenina.
Teve sonhos profissionais e fez vários vestibulares.  Iniciou inúmeros cursos superiores. Nunca terminou nenhum.  Não era o que realmente queria ser.
Criada, como os irmãos,  na obediência aos princípios cristãos e religiosos que a Cida e eu ensinamos, sempre estudaram o cristianismo e as coisas de Jesus.
Um dia ingressou na Faculdade de Teologia.  Adorou o curso e o concluiu com destaque.  Passou a estudar ainda mais.  Resolveu que seria Pastora na igreja em que freqüenta.
Amanhã ela recebe o prêmio pela procura dos últimos anos de sua vida.
É a concretização do sonho acalentado e sedimentado no seu coração.
Tenho a certeza de que será um grande sucesso como pastora de almas.
Vai arrebanhar, com sua sabedoria, vontade indômita e tenacidade inata, muita gente para o caminho da luz divina.
E tem mais: a sua beleza física, a sua rara beleza interior, a sua simpatia pessoal, o seu talento para se comunicar, a sua personalidade única, vai fazer dela, uma pregadora inigualável e inimitável da palavra de Deus.  
Ana Paula, filha querida: que Deus continue a abençoar você como tem feito ao longo das nossas vidas. Continuo rezando por isso.


O IMPORTANT3E NÃO É COMO SE FALA COM DEUS, MAS SIM, SE VOCE TEM FÉ.  DEUS ESCUTA ATÉ NOSSOS PENSAMENTOS.

 
  
Os artigos, conceitos e opiniões pessoais são de inteira responsabilidade do autor.
14.02.2016
Memórias de um bom sujeito
10.02.2016
Memórias de um bom sujeito
31.01.2016
Memórias de um bom sujeito
24.01.2016
Memórias de um bom sujeito
07.12.2015
Memórias de um bom sujeito
29.11.2015
Memórias de um bom sujeito
23.11.2015
Memórias de um bom sujeito
15.11.2015
Memórias de um bom sujeito
08.11.2015
Memórias de um bom sujeito
01.11.2015
Memórias de um bom sujeito
26.10.2015
Memórias de um bom sujeito
17.10.2015
Memórias de um bom sujeito
12.10.2015
Memórias de um bom sujeito
05.10.2015
Memórias de um bom sujeito
28.09.2015
Memórias de um bom sujeito
21.09.2015
Memórias de um bom sujeito
13.09.2015
Memórias de um bom sujeito
08.09.2015
Memórias de um bom sujeito
23.08.2015
Memórias de um bom sujeito
31.05.2015
Memórias de um bom sujeito
24.05.2015
Memórias de um sujeito
10.05.2015
Memórias de um bom sujeito
03.05.2015
Memórias de um bom sujeito
18.04.2015
Memórias de um bom sujeito
12.04.2015
Memórias de um bom sujeito
30.03.2015
Memórias de um bom sujeito
30.03.2015
Memórias de um bom sujeito
22.03.2015
Memórias de um bom sujeito
15.03.2015
Memórias de um bom sujeito
08.03.2015
Memórias de um bom sujeito
01.03.2015
Memórias de um bom sujeito
12.01.2015
Memórias de um bom sujeito
03.01.2015
Memórias de um bom sujeito
21.12.2014
Memórias de um bom sujeito
14.12.2014
Memórias de um bom sujeito
07.12.2014
Memórias de um bom sujeito
30.11.2014
Memórias de um bom sujeito
23.11.2014
Memórias de um bom sujeito
16.11.2014
Memórias de um bom sujeito
09.11.2014
Memórias de um bom sujeito
02.11.2014
Memórias de um bom sujeito
19.10.2014
Memórias de um bom sujeito
14.10.2014
Memórias de um bom sujeito
05.10.2014
Memórias de um bom sujeito
29.09.2014
Memórias de um bom sujeito
14.09.2014
Memórias de um bom sujeito
07.09.2014
Memórias de um bom sujeito
31.08.2014
Memórias de um bom sujeito
26.08.2014
Memórias de um bom sujeito
17.08.2014
Memórias de um bom sujeito
11.08.2014
Memórias de um bom sujeito
03.08.2014
Memórias de um bom sujeito
20.07.2014
Memórias de um bom sujeito
12.07.2014
Memórias de um bom sujeito
06.07.2014
Memórias de um bom sujeito
30.06.2014
Memórias de um bom sujeito
22.06.2014
Memórias de um bom sujeito
17.06.2014
Memórias de um bom sujeito
10.06.2014
Memórias de um bom sujeito
01.06.2014
Memórias de um bom sujeito
25.05.2014
Memórias de um bom sujeito
14.05.2014
Memórias de um bom sujeito
04.05.2014
Memórias de um bom sujeito
27.04.2014
Memórias de um bom sujeito
20.04.2014
Memórias de um bom sujeito
13.04.2014
Memórias de um bom sujeito
06.04.2014
Memórias de um bom sujeito
30.03.2014
Memórias de um bom sujeito
25.03.2014
Memórias de um bom sujeito
20.03.2014
Memórias de um bom sujeito
17.02.2013
Memórias de um bom sujeito
30.12.2012
Memórias de um bom sujeito
18.11.2012
Memórias de um bom sujeito
11.11.2012
Memórias de um bom sujeito
06.11.2012
Memórias de um bom sujeito
28.10.2012
Memórias de um bom sujeito
23.10.2012
Memórias de um bom sujeito
14.10.2012
Memórias de um bom sujeito
30.09.2012
Memórias de um bom sujeito
25.09.2012
Memórias de um bom sujeito
16.09.2012
Memórias de um bom sujeito
09.09.2012
Memórias de um bom sujeito
02.09.2012
Memórias de um bom sujeito
26.08.2012
Memórias de um bom sujeito
19.08.2012
Memórias de um bom sujeito
12.08.2012
Memórias de um bom sujeito
06.08.2012
Memórias de um sujeito
29.07.2012
Memórias de um bom sujeito
22.07.2012
Memórias de um bom sujeito
15.07.2012
Memórias de um bom sujeito
08.07.2012
Memórias de um bom sujeito
01.07.2012
Memórias de um bom sujeito
24.06.2012
Memórias de um bom sujeito
17.06.2012
Memórias de um bom sujeito
03.06.2012
Memórias de um bom sujeito
26.05.2012
Memórias de um bom sujeito
29.04.2012
Memórias de um bom sujeito
22.04.2012
Memórias de um bom sujeito
24.03.2012
Memórias de um bom sujeito
18.03.2012
Memórias de um bom sujeito
13.03.2012
Memórias de um bom sujeito
04.03.2012
Memórias de um bom sujeito
25.12.2011
Memórias de um bom sujeito
14.12.2011
Memórias de um bom sujeito
13.11.2011
Memórias de um bom sujeito
05.11.2011
Memórias de um bom sujeito
01.11.2011
Memórias de um sujeito
18.10.2011
Memórias de um bom sujeito
11.10.2011
Memórias de um bom sujeito
25.09.2011
Memórias de um bom sujeito
03.09.2011
Memórias de um bom sujeito
20.08.2011
Memórias de um bom sujeito
06.08.2011
Memórias de um bom sujeito
01.08.2011
Memórias de um bom sujeito
24.07.2011
Memórias de um bom sujeito
16.07.2011
Memórias de um bom sujeito
12.07.2011
Memórias de um bom sujeito
02.07.2011
Memórias de um bom sujeito
19.06.2011
Memórias de um bom sujeito
12.06.2011
Memórias de um bom sujeito
04.06.2011
Memórias de um bom sujeito
28.05.2011
Memórias de um bom sujeito
03.04.2011
Memórias de um bom sujeito
27.03.2011
Memórias de um bom sujeito
20.03.2011
Memórias de um bom sujeito
13.03.2011
Memórias de um bom sujeito
06.03.2011
Memórias de um bom sujeito
20.02.2011
Memórias de um bom sujeito
13.02.2011
Memórias de um bom sujeito
06.02.2011
Memórias de um bom sujeito
04.01.2011
Memórias de um bom sujeito
12.12.2010
Memórias de um bom sujeito
05.12.2010
Memórias de um bom sujeito
28.11.2010
Memórias de um bom sujeito
21.11.2010
Memórias de um bom sujeito
14.11.2010
Memórias de um bom sujeito
07.11.2010
Memórias de um bom sujeito
31.10.2010
Memórias de um bom sujeito
24.10.2010
Memórias de um bom sujeito
17.10.2010
Memórias de um bom sujeito
10.10.2010
Memórias de um bom sujeito
03.10.2010
Memórias de um bom sujeito
19.09.2010
Memórias de um bom sujeito
12.09.2010
Memórias de um bom sujeito
29.08.2010
Memórias de um bom sujeito
15.08.2010
Memórias de um bom sujeito
08.08.2010
Memórias de um bom sujeito
25.07.2010
Memórias de um bom sujeito
18.07.2010
Memórias de um bom sujeito
11.07.2010
Memórias de um bom sujeito
04.07.2010
Memórias de um bom sujeito
27.06.2010
Memórias de um bom sujeito
20.06.2010
Memórias de um bom sujeito
13.06.2010
Memórias de um bom sujeito
06.06.2010
Memórias de um bom sujeito
30.05.2010
Memórias de um bom sujeito
23.05.2010
Memórias de um bom sujeito
16.05.2010
Memórias de um bom sujeito
09.05.2010
Memórias de um bom sujeito
25.04.2010
Memórias de um bom sujeito
18.04.2010
Memórias de um bom sujeito
11.04.2010
Memórias de um bom sujeito
04.04.2010
Memórias de um bom sujeito
28.03.2010
Memórias de um bom sujeito
21.03.2010
Memórias de um bom sujeito
14.03.2010
Memórias de um bom sujeito
07.03.2010
Memórias de um bom sujeito
27.02.2010
Memórias de um bom sujeito
21.02.2010
Memórias de um bom sujeito
16.02.2010
Memórias de um bom sujeito
14.02.2010
Memórias de um bom sujeito
20.12.2009
Memórias de um bom sujeito
13.12.2009
Memórias de um bom sujeito
06.12.2009
Memórias de um bom sujeito
29.11.2009
Memórias de um bom sujeito
22.11.2009
Memórias de um bom sujeito
15.11.2009
Memórias de um bom sujeito
08.11.2009
Memórias de um bom sujeito
18.10.2009
Memórias de um bom sujeito
11.10.2009
Memórias de um bom sujeito
04.10.2009
Memórias de um bom sujeito
30.08.2009
Memórias de um bom sujeito
23.08.2009
Memórias de um bom sujeito
15.08.2009
Memórias de um bom sujeito
09.08.2009
Memórias de um bom sujeito
02.08.2009
Memórias de um bom sujeito
26.07.2009
Memórias de um bom sujeito
12.07.2009
Memórias de um bom sujeito
05.07.2009
Memórias de um bom sujeito
28.06.2009
Memórias de um bom sujeito
21.06.2009
Memórias de um bom sujeito
07.06.2009
Memórias de um bom sujeito
31.05.2009
Memórias de um bom sujeito
17.05.2009
Memórias de um bom sujeito
10.05.2009
Memórias de um bom sujeito
03.05.2009
Memórias de um bom sujeito
26.04.2009
Memórias de um bom sujeito
19.04.2009
Memórias de um bom sujeito
12.04.2009
Memórias de um bom sujeito
05.04.2009
Memórias de um bom sujeito
29.03.2009
Memórias de um bom sujeito
22.03.2009
Memórias de um bom sujeito
08.03.2009
Memórias de um bom sujeito
01.03.2009
Memórias de um bom sujeito
22.02.2009
Memórias de um bom sujeito
15.02.2009
Memórias de um bom sujeito
28.12.2008
Memórias de um bom sujeito
25.12.2008
Memórias de um bom sujeito
21.12.2008
Memórias de um bom sujeito
07.12.2008
Memórias de um bom sujeito
30.11.2008
Memórias de um bom sujeito
23.11.2008
Memórias de um bom sujeito


Rebote - Cláudio Viola
Rebote - Cláudio Viola
PADRE EDUARDO BELOTTI
Momento de Espiritualidade
WALTER POPPI
Trimestralidade. Não é somente isso
WALDEMAR ALLEGRETTI
Já passou da hora
COLUNISMO SOCIAL
Eventos e Personalidades
DOM ANUAR BATTISTI
Arquidiocese de Maringá
EM DEFESA DO CONSUMIDOR
Confira seus direitos
TIAGO VALENCIANO
Política e Sociedade
OSWALDO FREIRE
Capital Federal
FRANCISCO JOSÉ DE SOUZA
A Lógica do Espiritismo
TATTÁ CABRAL
Ensaio
HENRI JEAN VIANA
Francês Press
ROSE LEONEL
Notícia e Cia.
ORLANDO GONZALEZ
Dois Toques
CARMEM RIBEIRO
Colunista Social
JUAREZ FIRMINO
Balanço Geral
ADEMAR SCHIAVONE
Memórias de um bom sujeito
VERDELÍRIO BARBOSA
Fatos Políticos
Clicompre
Aroma Ingá
Agropecuária Hélio
Rima Seguros
MaringáMais
Click do Gato