Maringá, 18 de Setembro de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS Black Bull Steak House
 
Untitled Document
ADEMAR SCHIAVONE
Memórias de um bom sujeito
 

A VIDA É CHEIA DE EMBARQUES E DESEMBARQUES

 

 

MEMORIAS DE UM BOM SUJEITO

Em 1964 um fato inédito em Maringá: apenas um dos quinze vereadores eleitos em 1960, conseguiu se reeleger – Kazumi Taguchi pelo PSD.

Foi também nesta eleição que nasceu para a vida pública, um dos nomes mais respeitáveis, na historia de Maringá: o professor Renato Bernardi que lecionava no Colégio Gastão Vidigal era muito jovem e querido pelos seus alunos.

Disputou pelo PDC partido do então governador Ney Braga e que elegeu a maior bancada com cinco dos quinze eleitos.

Renato Bernardi homem culto e inteligente mantinha na câmara uma postura independente e defendia suas idéias pessoais e cristãs.

Com o fim dos partidos e o nascimento de apenas dois – Arena e MDB – ingressou no de oposição, mantendo, contudo, a mesma postura independente e acima de tudo, consciente.

Era um vereador que merecia o respeito de todos e esse respeito fez dele o candidato a vice-prefeito na eleição de 1968.  Foi determinante na vitória de Adriano Valente.

Assumiu a secretaria de educação municipal, realizando um trabalho magnífico e cheio de realizações.

Em 1970 Haroldo Leon Peres foi nomeado governador do Paraná pelo presidente Garrastazu Médici.

Essa nomeação fez com que Adriano Valente e todos seus secretários trocassem o MDB pela Arena.  Todos menos Renato Bernardi.  Ele se recusou. Preferia permanecer no partido que o elegeu e continuar candidato que já era à Assembléia Legislativa.

Elegeu-se com folga ao lado de Wilson do Amaral Brandão o vereador mais votado em 68 e de Jorge Sato.

Na Assembléia conquistou o respeito de seus pares e a admiração dos paranaenses pela postura independente e consciente: oposição responsável.

Isso contribuiu para que na eleição de 1978, outro fato inédito acontecesse: Maringá reelegeu todos os seus deputados.

Adriano Valente e Walber Guimarães para a Câmara Federal e Renato Bernardi, Antonio Facci, Luiz Gabriel Sampaio e Walter Pietrangelo para a Assembléia.

A partir daí Renato passou a costurar a sua eleição para a Câmara e na eleição seguinte, em 1982,  elegeu-se pelo PMDB, reelegendo-se em 1986 naquela que seria a Assembléia Nacional Constituinte que fez a Constituição de 88.

Renato ficou decepcionado com o texto aprovado por deputados e senadores.

Dizia que se encheu demais uma constituição que deveria ter apenas o necessário, ser mais enxuta e de forma a que todo brasileiro pudesse conhecê-la.

A gente conversava muito e numa dessas conversas em uma das visitas que sempre fazia à Rádio Atalaia ele se dizia decepcionado com  o líder maior do seu partido, Ulisses Guimarães.

Bernardi entendia que a figura de Ulisses e o nome respeitável que tinha, dava para fazer muito mais do que foi feito ao se elaborar a constituição, que no seu entender, ficou demagógica e longa ao extremo.

Incumprivel” como ele costumava dizer.

Essa decepção fez com que ele perdesse o foco necessário para disputar outra eleição e ele acabou – sem excitação – perdendo a eleição seguinte que foi a ultima.

Renato Bernardi deixou seu nome na historia da cidade.

Foi um bom sujeito, um excelente professor, um político de respeito e que respeitava as pessoas.

No próximo dia 26 vai fazer quatorze anos da sua morte.

E ele merece ser lembrado.

 

 

SENADOR REALISTA

O senador Reditário Cassol – PP – veja bem o nome dele – fez uma manifestação em plenário que chocou uma grande parte dos nobres pares: reeducar os prisioneiros à base do chicote.

Nada de pagar pensão para os filhos de prisioneiros – recebem mais de setecentos reais cada um quando os pais estão presos – e ensinar que roubar e matar e crime e feitores com chicotadas devem ensinar isso a eles.

A idéia é medieval, mas merece um estudo aprofundado.

Chicotear bandido não vai resolver.

Mas, impedir que bandidos recebam visitas intimas e tenha relacionamento isso deveria acontecer.  Afinal se engravidarem suas acompanhantes quem vai tratar não serão eles, mas a sociedade.

Fazer o preso trabalhar – de preferência em trabalho pesado – seria o mais correto e eficiente.

Esse negócio de bandido receber casa e comida de graça e ainda quando tem filhos, receber ajuda financeira é cômodo demais.

Um assassino qualquer com dois filhos, ganha preso mais que um trabalhador braçal que dá duro,  dez horas por dia.

A manifestação esdrúxula do senador Reditario merece um estudo aprofundado do sistema prisional no Brasil.

E, é exatamente no Congresso Nacional que se deve discutir o assunto.

 

 

MAIS DENUNCIAS

As denúncias de corrupção em todos os níveis governamentais não mais causa revolta de ninguém.

O governo da presidente Dilma já afastou cinco ministros.

Um por falar demais e outros quatro por corrupção.

O que é grave: os quatro retornaram aos seus postos de deputados e senadores como se nada tivesse acontecido.

A vida continua e os mesmos continuam fazendo o mesmo de sempre.

É por isso que o povo está desenganado com os políticos.

Não merecem respeito mesmo.

E, quando as denuncias chegam à porta da casa, envolvendo vereadores e secretários municipais, ai a gente se sente atingido.

É quem conhecemos os vereadores e os secretários e a cada denúncia parece que a gente é atingida, também.

Mas, é bom lembrar: ano que vem tem eleições municipais e podemos com o nosso voto mudar os rumos da nossa cidade e de nossos políticos.

Só depende da consciência de cada um de nós na hora de votar.

 

 

A MAIOR PERDA É O QUE MORRE DENTRO DE NÓS ENQUANTO VIVEMOS

 

 
  
Os artigos, conceitos e opiniões pessoais são de inteira responsabilidade do autor.
14.02.2016
Memórias de um bom sujeito
10.02.2016
Memórias de um bom sujeito
31.01.2016
Memórias de um bom sujeito
24.01.2016
Memórias de um bom sujeito
07.12.2015
Memórias de um bom sujeito
29.11.2015
Memórias de um bom sujeito
23.11.2015
Memórias de um bom sujeito
15.11.2015
Memórias de um bom sujeito
08.11.2015
Memórias de um bom sujeito
01.11.2015
Memórias de um bom sujeito
26.10.2015
Memórias de um bom sujeito
17.10.2015
Memórias de um bom sujeito
12.10.2015
Memórias de um bom sujeito
05.10.2015
Memórias de um bom sujeito
28.09.2015
Memórias de um bom sujeito
21.09.2015
Memórias de um bom sujeito
13.09.2015
Memórias de um bom sujeito
08.09.2015
Memórias de um bom sujeito
23.08.2015
Memórias de um bom sujeito
31.05.2015
Memórias de um bom sujeito
24.05.2015
Memórias de um sujeito
10.05.2015
Memórias de um bom sujeito
03.05.2015
Memórias de um bom sujeito
18.04.2015
Memórias de um bom sujeito
12.04.2015
Memórias de um bom sujeito
30.03.2015
Memórias de um bom sujeito
30.03.2015
Memórias de um bom sujeito
22.03.2015
Memórias de um bom sujeito
15.03.2015
Memórias de um bom sujeito
08.03.2015
Memórias de um bom sujeito
01.03.2015
Memórias de um bom sujeito
12.01.2015
Memórias de um bom sujeito
03.01.2015
Memórias de um bom sujeito
21.12.2014
Memórias de um bom sujeito
14.12.2014
Memórias de um bom sujeito
07.12.2014
Memórias de um bom sujeito
30.11.2014
Memórias de um bom sujeito
23.11.2014
Memórias de um bom sujeito
16.11.2014
Memórias de um bom sujeito
09.11.2014
Memórias de um bom sujeito
02.11.2014
Memórias de um bom sujeito
19.10.2014
Memórias de um bom sujeito
14.10.2014
Memórias de um bom sujeito
05.10.2014
Memórias de um bom sujeito
29.09.2014
Memórias de um bom sujeito
14.09.2014
Memórias de um bom sujeito
07.09.2014
Memórias de um bom sujeito
31.08.2014
Memórias de um bom sujeito
26.08.2014
Memórias de um bom sujeito
17.08.2014
Memórias de um bom sujeito
11.08.2014
Memórias de um bom sujeito
03.08.2014
Memórias de um bom sujeito
20.07.2014
Memórias de um bom sujeito
12.07.2014
Memórias de um bom sujeito
06.07.2014
Memórias de um bom sujeito
30.06.2014
Memórias de um bom sujeito
22.06.2014
Memórias de um bom sujeito
17.06.2014
Memórias de um bom sujeito
10.06.2014
Memórias de um bom sujeito
01.06.2014
Memórias de um bom sujeito
25.05.2014
Memórias de um bom sujeito
14.05.2014
Memórias de um bom sujeito
04.05.2014
Memórias de um bom sujeito
27.04.2014
Memórias de um bom sujeito
20.04.2014
Memórias de um bom sujeito
13.04.2014
Memórias de um bom sujeito
06.04.2014
Memórias de um bom sujeito
30.03.2014
Memórias de um bom sujeito
25.03.2014
Memórias de um bom sujeito
20.03.2014
Memórias de um bom sujeito
17.02.2013
Memórias de um bom sujeito
30.12.2012
Memórias de um bom sujeito
18.11.2012
Memórias de um bom sujeito
11.11.2012
Memórias de um bom sujeito
06.11.2012
Memórias de um bom sujeito
28.10.2012
Memórias de um bom sujeito
23.10.2012
Memórias de um bom sujeito
14.10.2012
Memórias de um bom sujeito
30.09.2012
Memórias de um bom sujeito
25.09.2012
Memórias de um bom sujeito
16.09.2012
Memórias de um bom sujeito
09.09.2012
Memórias de um bom sujeito
02.09.2012
Memórias de um bom sujeito
26.08.2012
Memórias de um bom sujeito
19.08.2012
Memórias de um bom sujeito
12.08.2012
Memórias de um bom sujeito
06.08.2012
Memórias de um sujeito
29.07.2012
Memórias de um bom sujeito
22.07.2012
Memórias de um bom sujeito
15.07.2012
Memórias de um bom sujeito
08.07.2012
Memórias de um bom sujeito
01.07.2012
Memórias de um bom sujeito
24.06.2012
Memórias de um bom sujeito
17.06.2012
Memórias de um bom sujeito
03.06.2012
Memórias de um bom sujeito
26.05.2012
Memórias de um bom sujeito
29.04.2012
Memórias de um bom sujeito
22.04.2012
Memórias de um bom sujeito
24.03.2012
Memórias de um bom sujeito
18.03.2012
Memórias de um bom sujeito
13.03.2012
Memórias de um bom sujeito
04.03.2012
Memórias de um bom sujeito
25.12.2011
Memórias de um bom sujeito
14.12.2011
Memórias de um bom sujeito
13.11.2011
Memórias de um bom sujeito
05.11.2011
Memórias de um bom sujeito
01.11.2011
Memórias de um sujeito
18.10.2011
Memórias de um bom sujeito
25.09.2011
Memórias de um bom sujeito
03.09.2011
Memórias de um bom sujeito
20.08.2011
Memórias de um bom sujeito
06.08.2011
Memórias de um bom sujeito
01.08.2011
Memórias de um bom sujeito
24.07.2011
Memórias de um bom sujeito
16.07.2011
Memórias de um bom sujeito
12.07.2011
Memórias de um bom sujeito
02.07.2011
Memórias de um bom sujeito
19.06.2011
Memórias de um bom sujeito
12.06.2011
Memórias de um bom sujeito
04.06.2011
Memórias de um bom sujeito
28.05.2011
Memórias de um bom sujeito
03.04.2011
Memórias de um bom sujeito
27.03.2011
Memórias de um bom sujeito
20.03.2011
Memórias de um bom sujeito
13.03.2011
Memórias de um bom sujeito
06.03.2011
Memórias de um bom sujeito
20.02.2011
Memórias de um bom sujeito
13.02.2011
Memórias de um bom sujeito
06.02.2011
Memórias de um bom sujeito
04.01.2011
Memórias de um bom sujeito
12.12.2010
Memórias de um bom sujeito
05.12.2010
Memórias de um bom sujeito
28.11.2010
Memórias de um bom sujeito
21.11.2010
Memórias de um bom sujeito
14.11.2010
Memórias de um bom sujeito
07.11.2010
Memórias de um bom sujeito
31.10.2010
Memórias de um bom sujeito
24.10.2010
Memórias de um bom sujeito
17.10.2010
Memórias de um bom sujeito
10.10.2010
Memórias de um bom sujeito
03.10.2010
Memórias de um bom sujeito
19.09.2010
Memórias de um bom sujeito
12.09.2010
Memórias de um bom sujeito
29.08.2010
Memórias de um bom sujeito
15.08.2010
Memórias de um bom sujeito
08.08.2010
Memórias de um bom sujeito
25.07.2010
Memórias de um bom sujeito
18.07.2010
Memórias de um bom sujeito
11.07.2010
Memórias de um bom sujeito
04.07.2010
Memórias de um bom sujeito
27.06.2010
Memórias de um bom sujeito
20.06.2010
Memórias de um bom sujeito
13.06.2010
Memórias de um bom sujeito
06.06.2010
Memórias de um bom sujeito
30.05.2010
Memórias de um bom sujeito
23.05.2010
Memórias de um bom sujeito
16.05.2010
Memórias de um bom sujeito
09.05.2010
Memórias de um bom sujeito
25.04.2010
Memórias de um bom sujeito
18.04.2010
Memórias de um bom sujeito
11.04.2010
Memórias de um bom sujeito
04.04.2010
Memórias de um bom sujeito
28.03.2010
Memórias de um bom sujeito
21.03.2010
Memórias de um bom sujeito
14.03.2010
Memórias de um bom sujeito
07.03.2010
Memórias de um bom sujeito
27.02.2010
Memórias de um bom sujeito
21.02.2010
Memórias de um bom sujeito
16.02.2010
Memórias de um bom sujeito
14.02.2010
Memórias de um bom sujeito
20.12.2009
Memórias de um bom sujeito
13.12.2009
Memórias de um bom sujeito
06.12.2009
Memórias de um bom sujeito
29.11.2009
Memórias de um bom sujeito
22.11.2009
Memórias de um bom sujeito
15.11.2009
Memórias de um bom sujeito
08.11.2009
Memórias de um bom sujeito
18.10.2009
Memórias de um bom sujeito
11.10.2009
Memórias de um bom sujeito
04.10.2009
Memórias de um bom sujeito
06.09.2009
Memórias de um bom sujeito
30.08.2009
Memórias de um bom sujeito
23.08.2009
Memórias de um bom sujeito
15.08.2009
Memórias de um bom sujeito
09.08.2009
Memórias de um bom sujeito
02.08.2009
Memórias de um bom sujeito
26.07.2009
Memórias de um bom sujeito
12.07.2009
Memórias de um bom sujeito
05.07.2009
Memórias de um bom sujeito
28.06.2009
Memórias de um bom sujeito
21.06.2009
Memórias de um bom sujeito
07.06.2009
Memórias de um bom sujeito
31.05.2009
Memórias de um bom sujeito
17.05.2009
Memórias de um bom sujeito
10.05.2009
Memórias de um bom sujeito
03.05.2009
Memórias de um bom sujeito
26.04.2009
Memórias de um bom sujeito
19.04.2009
Memórias de um bom sujeito
12.04.2009
Memórias de um bom sujeito
05.04.2009
Memórias de um bom sujeito
29.03.2009
Memórias de um bom sujeito
22.03.2009
Memórias de um bom sujeito
08.03.2009
Memórias de um bom sujeito
01.03.2009
Memórias de um bom sujeito
22.02.2009
Memórias de um bom sujeito
15.02.2009
Memórias de um bom sujeito
28.12.2008
Memórias de um bom sujeito
25.12.2008
Memórias de um bom sujeito
21.12.2008
Memórias de um bom sujeito
07.12.2008
Memórias de um bom sujeito
30.11.2008
Memórias de um bom sujeito
23.11.2008
Memórias de um bom sujeito


PADRE EDUARDO BELOTTI
Momento de Espiritualidade
WALTER POPPI
Trimestralidade. Não é somente isso
WALDEMAR ALLEGRETTI
Já passou da hora
COLUNISMO SOCIAL
Eventos e Personalidades
DOM ANUAR BATTISTI
Arquidiocese de Maringá
EM DEFESA DO CONSUMIDOR
Confira seus direitos
TIAGO VALENCIANO
Política e Sociedade
OSWALDO FREIRE
Capital Federal
FRANCISCO JOSÉ DE SOUZA
A Lógica do Espiritismo
TATTÁ CABRAL
Ensaio
HENRI JEAN VIANA
Francês Press
ROSE LEONEL
Notícia e Cia.
ORLANDO GONZALEZ
Dois Toques
CARMEM RIBEIRO
Colunista Social
JUAREZ FIRMINO
Balanço Geral
ADEMAR SCHIAVONE
Memórias de um bom sujeito
VERDELÍRIO BARBOSA
Fatos Políticos
Clicompre
Aroma Ingá
Agropecuária Hélio
Rima Seguros
MaringáMais
Click do Gato