Maringá, 19 de Fevereiro de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS NUTRIGENES
 
Untitled Document
10.08.2017
Palmeiras dá adeus à Libertadores
O Palmeiras lutou muito, mas viu o sonho de conquistar seu segundo título da Taça Libertadores acabar nesta quarta-feira. Depois de vencer o Barcelona de Guayaquil por 1 a 0 no tempo normal, gol marcado por Moisés, o Verdão sucumbiu nas cobranças de pênaltis e perdeu por 5 a 4, dando adeus à competição internacional ainda nas oitavas de final. Bruno Henrique e Egídio pararam no goleiro Banguera. Veja como foi o jogo em Tempo Real.

Jailson quase foi herói nos pênaltis. Ele manteve o Palmeiras com chances de seguir no torneio ao defender a quinta cobrança de Díaz e renovou a esperança da torcida. Mas não foi o suficiente. O goleiro equatoriano voltou a brilhar e assegurou a classificação. O adversário sairá do duelo entre Santos e Atlético-PR, nesta quinta-feira, na Vila Belmiro.

Com a eliminação em casa, o Palmeiras praticamente não tem mais chances de conquistar um título em 2017. O milionário elenco montado para a temporada já havia fracassado na Copa do Brasil e está 15 pontos atrás do arquirrival Corinthians no Campeonato Brasileiro.

O Palmeiras não funcionou na estratégia montada por Cuca. O técnico optou por colocar Dudu na criação pelo meio e deixou Guerra no banco – Keno entrou pela esquerda. O Verdão ganhou velocidade na frente, mas acelerou demais as jogadas e praticamente não levou perigo ao goleiro Banguera. Com a vantagem nas mãos, o Barcelona teve espaço para contra-atacar, sobretudo em cima de Tchê Tchê na lateral direita. Por sorte do Verdão, os equatorianos não souberam aproveitar. Antes do fim do primeiro tempo, Mina lesionou o pé esquerdo e, chorando, foi substituído por Edu Dracena.

O Palmeiras voltou do intervalo com Moisés na vaga de Róger Guedes e não demorou a ficar em vantagem. E em um golaço construído pelo meio-campista logo aos cinco minutos. O Profeta fez lindo lançamento para Dudu disparar e apareceu na área para fazer 1 a 0. O Verdão seguiu melhor, mas levou um susto quando Álvez carimbou a trave em contra-ataque após gol de Deyverson anulado por impedimento. Em seguida, foi a vez de Keno carimbar o travessão.

A partida ficou dramática depois que Dudu, o melhor do Palmeiras em campo, sofreu uma lesão na perna esquerda e deu lugar a Guerra. O Verdão perdeu muita força ofensiva e praticamente não pressionou. Castillo, aos 39, perdeu na cara de Jailson a grande chance de empatar. A decisão, então, foi para as cobranças de pênaltis.

A disputa seguiu igual até a terceira série de batedores, quando Bruno Henrique parou no goleiro Banguera. Jailson pegou a quinta e decisiva cobrança de Díaz e manteve o Verdão no jogo. Na sequência, porém, Egídio desperdiçou e encerrou a participação alviverde no torneio.

Foto - Reprodução
 
19.02.2018
Reforma e revitalização da Praça de Patinação
19.02.2018
Comércio de Maringá registrou queda de faturamento
19.02.2018
Ator é vítima de comentários racistas
19.02.2018
Edital para frota de coleta seletiva tem apenas uma empresa
19.02.2018
Detentos do RJ fazem rebelião com reféns
19.02.2018
PM apreende mais de meio milhão de reais e maconha
Nipo Brasileiro Contabilidade
Hotel Internacional
SINCONFEMAR
Della Pizza
B1
Centro Comercial Tiradentes
Paraná Banco
MAPA - Venda de Ônibus
Oliver Media
Garage Motors
OdontoAtual