Maringá, 20 de Agosto de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS Black Bull Steak House
 
Untitled Document
24.04.2018
Vacinação contra gripe
A Prefeitura de Maringá, por meio da Secretaria de Saúde, deu início na manhã de ontem (23) a Campanha Nacional Contra a Gripe. Com o objetivo inicial de imunizar até 125 mil pessoas, a iniciativa começou com grande movimentação em Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e na Sala da Vacina, anexo ao prédio da secretaria.

Com início às 7h, de segunda a sexta-feira, a equipe municipal incentiva que integrantes dos grupos contemplados tomem a vacina o quanto antes.

Em virtude da demora de até duas semanas para a total imunização aos três vírus da gripe, Influenza A, sendo H1N1 e H3N2, além do Influenza B, a Prefeitura busca conscientizar a população para a procura por uma das doses em qualquer unidade maringaense, de forma rápida, segura e gratuita. A campanha segue até o dia 1º de junho, sempre com atendimentos até às 17h.

As vacinas são destinadas para crianças de seis meses e menores de cinco anos, pessoas com 60 anos ou mais, gestantes ou que passaram pelo trabalho de parto nos últimos 45 dias (puérperas), professores de escolas públicas e privadas com declaração, trabalhadores da saúde, população privada de liberdade (menores e adultos), trabalhadores do sistema prisional, indígenas, portadores de doenças crônicas ou condições médicas especiais, como diabéticos ou transplantados.

Nessa segunda-feira, primeiro dia da campanha, além das UBS’s, a Sala da Vacina, na Avenida Prudente de Moraes, recebeu quantidade elevada de interessados nas doses. Por conta da grande movimentação, especialmente neste período inicial, o local terá atendimento diferenciado, com espaço destinado a vacinação. Segundo a equipe de Comunicação da Prefeitura, com 10 horas de aplicação das doses por dia, por volta das 15h senhas serão distribuídas para que até às 17h não existam filas extensas e todos tenham acesso humanizado ao medicamento.

DIA D
Assim como em outras campanhas, municipais e nacionais, esta iniciativa também desenvolverá um dia específico para o comparecimento de pessoas que possuem poucos horários disponíveis.

O chamado “Dia D” será realizado no sábado dia 12 de maio, com plantões em todas Unidades de Saúde, nos períodos da manhã e tarde. Com horários flexíveis e abertura em um sábado, a Saúde acredita que a quantidade de imunizados irá aumentar, visto os resultados obtidos com iniciativas desta natureza nos últimos anos.


Matheus Gomes
Foto - Reprodução
 
19.08.2018
Celibato clerical
19.0.2018
Mara Maravilha briga com Léo Dias
19.08.2018
Prefeito destaca 89 obras em andamento
19.08.2018
Antiga Estrada Venda 200 será caminho turístico
19.08.2018
Samu ganha ambulância doada por empresário
19.08.2018
Temer convoca reunião para discutir ataque a venezuelanos
Nipo Brasileiro Contabilidade
Asia Sushi Beer
SINCONFEMAR
Della Pizza
B1
Centro Comercial Tiradentes
Paraná Banco
MAPA - Venda de Ônibus
Oliver Media
Garage Motors
OdontoAtual