Maringá, 19 de Novembro de 2017
PARANÁ CURSOS NUTRIGENES
.:: Maringá Mais ::.

 
Presidente: Douglas Lopes do Amaral
Gestão: 2011
Endereço:
Fone: 44-3028 9088
44-9139 4939

diretor@imobiliariaaki.com.br
28.05.2009
História do Hockey
 
Os primeiros patins de rodas, segundo alguns relatos, foram vistos em algumas gravuras curiosas em meados do século XVIII, onde apareciam diversas pessoas patinando com uma roda em cada pé. Estas rodas, de uns 25 centímetros de diâmetro, eram acopladas ao calçado e formavam os primeiros e rudimentares patins.

Estes patins, porém, com estas rodas primitivas, parecidas com as rodas de uma bicicleta (de tamanho reduzido), evoluíram com o passar dos anos e surgiram as rodas metálicas de tamanho menor.

O holandês Hans Brinker, em 1733, foi o primeiro fabricante de rodas metálicas e criou os patins sobre rodas, de apenas duas rodas em cada pé, ficando estas rodas colocadas numa base metálica que eram presas ao calçado com correias, preparadas pelo industrial sapateiro belga Joseph Lundsen, permitindo aos patinadores patinar sobre superfície de madeira (que era utilizada nos rinques da época).

Posteriormente, houveram outras tentativas para melhorar esta roda metálica. Em 1760 o belga Joseph Merlin, um mecânico e fabricante de instrumentos musicais, idealizou uma roda metálica dando origem ao modelo usado atualmente.

Porém, este invento não obteve sucesso, pois a utilização de duas rodas, uma em cada pé, tornava o equilíbrio muito difícil e o metal das rodas desgastava rapidamente no piso dos rinques que era de madeira.

Em 1813, o francês Jean Garcin criou uma roda de madeira, que patentearia dois anos depois com o nome de "cingar", sendo este invento fundamental para a popularização dos patins.

Em 1867, alguns industriais britânicos aperfeiçoaram o invento de Jean Garcin e expuseram na Feira Mundial de Paris um patim de quatro rodas (duas na frente, duas atrás), constituindo um enorme êxito.

Algum tempo depois, este projeto (patins de quatro rodas) foi patenteado em Nova York por James Leonard Plinpton, inclusive com o incremento de um mecanismo de freio, com um tacão de borracha na parte da frente, sendo, portanto, criado o patim "moderno", parecido com o existente nos dias atuais, permitindo executar movimentos circulares.

Em 1876, foi inaugurado em Paris o primeiro centro de patinação sobre rodas, que se tornou o principal ponto de reunião da aristocracia parisiense da época. A partir de então, a patinação foi se estendendo por toda a Europa, com a criação de diversos rinques, principalmente em Berlim, Frankfurt e Londres.

Porém, em nível internacional não existia nenhuma entidade representativa das modalidades, surgindo somente em abril de 1924, em Montreux - Suíça, a Federation Internacional de Patinaje a Roulettes - FIPR, fundada por Suíça, França, Alemanha e Grã-Bretanha, sendo dado um importante passo para a organização definitiva deste esporte. Esta Federação internacional englobaria as três especialidades (até então) da patinação, ou seja, patinação artística, patinação de velocidade ou corridas e Hockey.

Em 02 de julho de 1952, a Federation Internacional de Patinaje a Roulettes - FIPR mudou seu nome para Federation Internationale of Roller Skating - FIRS.

Em 1977, o Comitê Olímpico Internacional - COI, reconheceu oficialmente a Fédération Internationale of Roller Skating – FIRS.


HISTÓRIA MARINGÁ HOCKEY
Mesmo sem recursos, sem um treinador que os orientasse e sem os equipamentos necessários, um grupo de estudantes começou a treinar e formou a primeira e única equipe de hockey in-line de Maringá. Sempre faltou de tudo, menos garra e vontade de praticar um esporte quase que desconhecido no Brasil, mas apesar de toda precariedade e do pouco tempo de treinamento, os jogadores Maringaenses já foram destaques nas seleções paranaense e brasileira.

A paixão pelo esporte surgiu quando alguns dos garotos assistiram ao filme “D2 Nós somos os campeões”. Douglas Lopes, Marcelo Capinan, Clayton Passos, Rafael Vieira, Giovani do Vale, Samuel Wesley Ito, Edgar Montelares, Jovenir dos Santos, Fernando Inácio e Kasumy foram os primeiros a iniciar a prática do esporte no município de Maringá.

Eles jogavam em 1997 no centro esportivo da Vila Operária, sem recursos para comprar os equipamentos necessários que são muito caros, eles treinavam sozinhos, seguindo as regras retiradas da internet e tacos improvisados.

No final de agosto do ano de 2000, as coisas começaram a melhorar. Fomo treinar no colégio Gastão Vidigal, onde permanecemos por 4 anos, um empresário Silvio Name Junior custeou os gastos com alguns equipamentos e o então Diretor do Gastão Vidigal, Antonio Favaro Neto, cedeu à quadra e os uniformes, em 2005 nos estalamos na quadra do centro esportivo da Mandacarú, jogamos por 3 anos e hoje nos encontramos na faculade UNIFAMMA, ao longo desse tempo atletas foram convocados para a seleção Brasileira, estaduais, foram para clubes fora do país e etc..

Hoje a cerca de 50 atletas de hockey-in line em Maringá com time feminino, mirim e principal, com a organização da AMH – ASSOCIASSÃO MARINGAENSE DE HOCKEY grandes portas estão se abrindo e o esporte crescendo em proporções que chama a atenção, e hoje com os pioneiros do hockey que na época era crianças hoje são adultos com responsabilidades e experiências de poucos no Brasil.

Os treinos são feitos dia de terça-feira ás 19:00 hs e sábado ás 14:00hs
 
 
Últimas notícias
Maringá Mais
Maringá Mais
Maringá Mais
Maringá Mais