Maringá

CPI da Saúde não será prorrogada, garante Sidnei Telles

O prazo para conclusão dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde é de 90 dias. Nesta terça-feira já são 84 dias de trabalho. Existe a permissão para prorrogar a entrega do relatório final, mas os parlamentares envolvidos na investigação garantem que isso não irá acontecer já que as oitivas foram encerradas e todos documentos solicitados entregues.

“Segundo o que foi discutido em nossas reuniões, não vamos prorrogar. O documento final será elaborado com quatro pontos: histórico da CPI, atividades realizadas, enfoque na fala do secretário Jair Biatto, assim como nos medicamentos com preços divergentes e, por fim, pontos gerais como horas extras e relatórios do Observatório Social de Maringá.

O 90º dia de CPI da Saúde será na próxima segunda-feira. Mesmo após a apresentação do resultado, a fala de Jair Biatto pode ser encaminhada ao Ministério Público.

Redação JP
Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS