Policial

PM mata frequentador de festa clandestina

Moradores denunciaram a aglomeração de cerca de 50 pessoas em uma rua  do Jardim Rebouças em Maringá e, acionada, a Polícia Militar compareceu ao local. Os frequentadores fugiram em carros e motos com a chegada das viaturas policiais. Um motociclista que estava com uma moça na garupa caiu quando tentava fugir da polícia. Segundo versão da PM, ao perceber a aproximação da viatura ele disparou contra os policiais que revidaram, atingindo-o com dois tiros em uma das pernas e braço.  Josuel Peterson Andrade Patrocínio, de 26 anos, foi socorrido por uma viatura do Samu mas morreu antes de ser levado para o hospital.

Um advogado que já defendeu  Josuel disse que seu cliente não teria reagido à abordagem policial e na delegacia a adolescente que estava  na garupa afirmou que  o mesmo não portava arma. Na ficha do rapaz, levantada pela PM, estaria constando que ele tinha passagens por tráfico, receptação e porte ilegal de arma. A circunstância da morte será investigada.

Redação JP
Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS