Maringá

Grupos artísticos pedem ajuda por financiamento coletivo

Companhia Pedras Teatro e Circo e a Associação de Capoeira Centro Cultural Sucena estão buscando doações para manter as atividades

A Companhia Pedras Teatro e Circo e a Associação de Capoeira Centro Cultural Sucena estão buscando doações para manter as atividades. De acordo com os representantes dos grupos, a situação financeira agravou com o início da pandemia e suspensão de eventos artísticos. Se trata de financiamento coletivo.

A Cia Pedras está oferecendo aulas online e vendendo livros e artesanatos. Na plataforma ‘Apoia-se’ é possível ajudar o projeto que busca arrecadar R$ 4 mil para pagar despesas básicas, como aluguel, água, luz, telefone, e também investir na qualidade das produções audiovisuais. O endereço para doações é apoia.se/ciapedras.

Já a Associação Sucena, com mais de 30 anos de tradição, precisa arrecadar R$ 12 mil. Objetivo é quitar despesas e manutenção que estão atrasadas; além de pagar luz, internet, água e aluguel atrasados há, pelo menos, quatro meses. O trabalho da associação foi reduzido durante a pandemia. O grupo oferece aulas e oficinas.

Quem quiser ajudar basta acessar o link benfeitoria.com/sucena. De acordo com a diretoria do grupo, são esperados recursos da Lei Aldir Blanc e de outros editais para que a situação seja melhorada.

Victor Cardoso
Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS