Policial

Gestante é feita refém por assaltantes

Bandidos roubaram um saco com quase 100 aparelhos de celular

O comerciante que trabalha com equipamentos eletrônicos havia recebido ligação de um suposto cliente, que manifestou interesse em comprar celulares. Enquanto o comerciante se dirigia a um posto de combustível no centro da cidade para negociar com o suposto cliente, sua casa no Jardim Dias, em Maringá, era invadida por dois homens. Eles levaram apenas 10 segundos para arrombar o portão, conforme registro de uma câmera de segurança.  Ao entrar na casa, os bandidos fizeram refém a esposa do comerciante, grávida de oito meses. Depois de obrigá-la a entregar Iphones que sabiam existir ali,  fugiram em um carro branco com 80 aparelhos.

O comerciante disse à polícia suspeitar que a ligação que recebeu era para tirá-lo de casa e facilitar a ação dos assaltantes. A conclusão, que parece óbvia para agentes da Polícia Civil, foi reforçada pelo fato do comerciante ir ao local combinado e não encontrar quem lhe telefonou.

Redação JP
Foto – Plantão Maringá

PUBLICIDADES E PARCEIROS