Policial

Preso em Maringá suspeito de espionar justiça criminal

Usando até um drone, o suspeito agia sob comando de uma organização criminosa baseada em Venceslau Braz (SP).

A prisão foi efetuada nesta quarta-feira em uma padaria de Maringá, onde o homem entrou para comprar pão. Os policiais da Divisão Estadual de Narcóticos o surpreenderam com um par de algemas na saída do estabelecimento.

Ele é suspeito de pertencer a uma quadrilha que usa drone para sobrevoar penitenciárias, residências de servidores públicos e prédios da justiça onde funcionam varas criminais, além de praticar crimes de estelionato.
Ao ser detido, o homem tinha com sigo vários cartões de crédito, com os quais aplicava golpes. Ele já vinha sendo monitorado por agentes do Denarc, por solicitação da Polícia Civil de São Paulo, que tenta desmontar a organização criminosa com sede em Venceslau Braz.

O delegado do Denarc, Leandro Roque Munin informou que a polícia paulista tinha informação que o suspeito estava morando em Maringá e pediu o apoio do Denarc para prendê-lo.

Redação JP
Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS