Policial Região

ONG resgata dezenas de cachorros em canil clandestino

Eram 40 animais, entre adultos e filhotes, que sobreviviam em condições inadequadas em um criadouro clandestino de Sarandi. Os cães foram resgatados por voluntários da ONG Salvando Vidas, de Maringá, com apoio da Vigilância Sanitária, Secretaria Municipal de Fazenda, da Sociedade Protetora dos Animais de Sarandi, Guarda Municipal e da Prefeitura de Maringá, que colaborou com o transporte dos animais.

De acordo com o coordenador Lemuel Rodrigues, o local foi descoberto após denúncia de uma pessoa que comprou um filhote. “Eram todos cães de raça, vendidos a preços que variavam entre R$ 1.500,00 e R$ 2.000,00”, informou o coordenador da Organização Não Governamental.
Segundo os voluntários da ONG os criadores atuavam há pelo menos dois anos no quintal de uma residência, sem alvará de funcionamento do canil. “Os animais viviam para procriar em espaços minúsculos e presos”, contou Lemuel.

Entre os 40 cachorros resgatados haviam filhotes recém-nascidos , de raças como spitz alemão, pastor alemão, shitzu, york terrier, beagle e husky siberiano. Havia, também, um papagaio criado de forma ilegal, sem qualquer tipo de registro em órgãos ambientais.

Redação JP
Foto – G1

PUBLICIDADES E PARCEIROS