Esportes

Palmeiras perde para o Coritiba

O Palmeiras perdeu sua terceira partida consecutiva no Campeonato Brasileiro na noite desta quarta-feira. Em pleno Allianz Parque, com seis mudanças entre os titulares, o bagunçado time mandante acabou derrotado por 3 a 1 pelo Coritiba, resultado que complica ainda mais a situação de Vanderlei Luxemburgo.

Em derrocada no Campeonato Brasileiro, com seu técnico ameaçado no cargo, o Palmeiras permanece com os mesmos 22 pontos ganhos e figura apenas na sétima colocação. Já o Coritiba chega aos 16 pontos e sobe para a 15ª posição, saindo da zona de rebaixamento à Série B.

Pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Coritiba entra em campo para enfrentar o Santos às 19 horas (de Brasília) deste sábado, no Estádio Couto Pereira. O Palmeiras, por sua vez, tem como próximo adversário o Fortaleza a partir das 20h30 do dia seguinte, no Castelão.

O jogo
O Coritiba fez a transição ao campo de ataque sem ser incomodado pela marcação e conseguiu inaugurar o marcador logo aos 7 minutos do primeiro tempo. Em jogada pela direita, Giovanni Augusto limpou a marcação de Lucas Esteves e cruzou para Robson completar nas costas de Marcos Rocha.

Com o Palmeiras apático em pleno Allianz Parque, o Coritiba ampliou sua vantagem aos 23 minutos da etapa inicial. Robson recebeu de Matheus Galdezani e aproveitou espaço oferecido por Marcos Rocha para acertar o canto direito do goleiro Weverton, escalado um dia depois de defender a Seleção – Gabriel Menino também foi titular.

Em um primeiro tempo horroroso, o time da casa teve um lampejo aos 37 minutos. Patrick de Paula recebeu de Gustavo Scarpa e, com uma cavada de futsal, passou para Gabriel Veron. O jovem ajeitou e finalizou com sucesso diante do goleiro Wilson para diminuir a vantagem.

O começo do segundo tempo não teve grandes oportunidades e o Coritiba, sem correr riscos no campo de defesa, marcou o terceiro aos 19 minutos. Robson recebeu pela esquerda e cruzou para Giovanni Augusto completar com sucesso diante de Weverton.

Em uma rara chegada consistente ao campo de ataque, aos 27 minutos do segundo tempo, Willian tabelou com Luiz Adriano e cruzou para Veron fazer o gol. Com ajuda do VAR, o lance foi corretamente anulado pela arbitragem por posição de impedimento do jovem atacante.

Atacando de maneira desorganizada, o Palmeiras levou algum perigo em chute de fora da área disparado de Gustavo Scarpa e por meio de cabeçada de Rony, defendida por Wilson. O time da casa, porém, não conseguiu evitar a derrota no que pode ter sido a despedida de Vanderlei Luxemburgo.

Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS