Policial

Jovem se apresenta e assume autoria de assassinato

Caio Henrique do Carmo Domingues, de 26 anos, se apresentou ontem na Divisão de Homicídios de Maringá e confessou ter sido ele o autor dos tiros que matou Fernando Takeshi Ide. A vítima tinha vindo do Japão há um mês para se casar e voltar com a esposa para a cidade onde estava trabalhando. O crime aconteceu sábado no Residencial Aeroporto , segundo a polícia, após uma discussão num bar.

Caio negou a versão da briga de bar e disse que se desentendeu com a vítima ao vê-la urinando perto de crianças que brincavam na rua. Houve uma discussão e Caio disse ter ficado sabendo que a vítima estava lhe procurando com uma faca na mão. Por isso pegou uma pistola em casa e foi ao encontro de Fernando que teria tentado atacá-lo. Quando o delegado que tomou seu depoimento pediu que ele apresentasse a arma do crime, Caio alegou tê-la perdido na fuga. Como havia fugido do flagrante, foi liberado após prestar depoimento. Ele só será preso antes de ser julgado, se o delegado pedir e obtiver da justiça a prisão preventiva.

Redação JP
Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS