Destaques do Dia

Eleições terão esquema especial de segurança em todo o Paraná

As eleições municipais deste domingo terão um cuidado especial da Secretaria de Estado da Segurança Pública. O pleito contará com esquema envolvendo mais de 10 mil policiais militares e civis, com suporte de viaturas, motos e aeronaves. Todos os cuidados para prevenção ao coronavírus serão aplicados, e os policiais seguirão as medidas sanitárias.

O trabalho abrange a distribuição e acompanhamento das urnas eletrônicas, policiamento nos 4.800 locais de votação e 21.885 seções eleitorais do Estado, encaminhamento dos infratores e a segurança reforçada nos pontos de apuração de votos. A estratégia da Secretaria da Segurança Pública foi apresentada nesta sexta-feira  em encontro com a imprensa realizado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em Curitiba.

A estratégia foi elaborada junto com os comandantes das instituições vinculadas à Secretaria, visando que as ações preventivas alcancem todos os 399 municípios, com a presença constante de equipes e viaturas. A coordenação é da Secretaria e o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) será o ponto focal de informações e acompanhamento em tempo real dos trabalhos nas ruas.

“Vamos trabalhar de forma integrada, em parceria e total alinhamento com o TRE”, afirmou o secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares. “O CICCR será nosso ponto focal, onde faremos a coleta das informações e de onde acompanharemos todos os trabalhos no dia da eleição. Teremos condições de prestar todas as informações necessárias ao TRE. Nas ruas a PM estará com um grande aparato para proteger o cidadão no momento de ele exercer sua cidadania”, destacou.

As eleições municipais deste domingo terão um cuidado especial da Secretaria de Estado da Segurança Pública. O pleito contará com esquema envolvendo mais de 10 mil policiais militares e civis, com suporte de viaturas, motos e aeronaves. Todos os cuidados para prevenção ao coronavírus serão aplicados, e os policiais seguirão as medidas sanitárias.

O trabalho abrange a distribuição e acompanhamento das urnas eletrônicas, policiamento nos 4.800 locais de votação e 21.885 seções eleitorais do Estado, encaminhamento dos infratores e a segurança reforçada nos pontos de apuração de votos. A estratégia da Secretaria da Segurança Pública foi apresentada nesta sexta-feira  em encontro com a imprensa realizado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em Curitiba.

A estratégia foi elaborada junto com os comandantes das instituições vinculadas à Secretaria, visando que as ações preventivas alcancem todos os 399 municípios, com a presença constante de equipes e viaturas. A coordenação é da Secretaria e o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) será o ponto focal de informações e acompanhamento em tempo real dos trabalhos nas ruas.

“Vamos trabalhar de forma integrada, em parceria e total alinhamento com o TRE”, afirmou o secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares. “O CICCR será nosso ponto focal, onde faremos a coleta das informações e de onde acompanharemos todos os trabalhos no dia da eleição. Teremos condições de prestar todas as informações necessárias ao TRE. Nas ruas a PM estará com um grande aparato para proteger o cidadão no momento de ele exercer sua cidadania”, destacou.

Redação
Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS