Variedades

Herdeira da Disney diz que tinha vergonha do sobrenome

Abigail Disney é documentarista e ativista, além de uma das herdeiras do império Disney. Mas nunca se sentiu confortável com a fortuna que herdou, tampouco com o ilustre sobrenome.

“Eu tinha muita vergonha do nome Disney. Ficava aterrorizada que alguém descobrisse que eu era parente (de Walt Disney). Muitas vezes, não usava meu sobrenome e, às vezes, dava um sobrenome alternativo”, revela.

Abigail já doou mais de US$ 70 milhões do seu patrimônio e, recentemente, ela veio a público criticar a reabertura dos parques da Disney em meio à pandemia de covid-19; repudiou as profundas diferenças salariais dentro do conglomerado; e assinou uma carta junto com outros milionários solicitando o aumento dos impostos sobre pessoas com grandes fortunas.

Em entrevista à jornalista Emily Webb no programa de rádio Outlook, da BBC, ela conta por que sempre se sentiu tão desconfortável com uma vida que, para muitos, poderia ser digna de conto de fadas.

Aos 60 anos, Abigail Disney é uma mulher multimilionária — mais isso não a impede de pegar o metrô para conceder esta entrevista em Nova York.

E isso diz muito sobre ela. A cineasta não revela quanto vale exatamente sua fortuna hoje, mas com base na renda do império Disney, estima-se que o montante chegue a US$ 500 milhões.

PUBLICIDADES E PARCEIROS