Policial Região

Extorquia mulheres fingindo ser oficial do Exército

Há tempo o homem vinha se passado por militar do Exército para tentar extorquir mulheres na região Metropolitana de Curitiba. Dessa vez ele caiu do cavalo, com uma quase vítima que, ao perceber que estava caindo em um golpe, avisou a polícia. Ela deu corda ao “galã” e armou o flagrante dentro do seu próprio apartamento, no bairro Vila Izabel. A polícia chegou ao apartamento da mulher no dia e horário marcado e lá estava o estelionatário. Foi preso e logo os policiais constataram que ele tinha um mandado de prisão em aberto. A polícia já o conhecia pelo apelido de “Galã do Samu”. Isso porque em alguns dos seus golpes, praticados em 2014, ele teria se fingido de atendente do Samu para tentar seduzir e furtar pessoas do sexo feminino.

Nessa fase de “oficial do Exército” ele fazia seus contatos com via aplicativos de relacionamento. Na noite do último domingo, ele estava na casa da mulher com quem já vinha conversando há algum tempo. Num determinado momento,  pediu dinheiro para uma viagem. Desconfiada, a mulher saiu com a desculpa de que iria comprar lanche e pediu que o homem ficasse cuidando dos pais dela. Quando a mulher retornou estava junto com a polícia, que deu o flagrante. Na delegacia, os policiais levantaram a ficha do “galã” e constatou que ele tinha mandado de prisão em aberto por furto. Com ele foi apreendido uma farda completa do Exército e um simulacro de pistola.

Redação JP
Foto – Reprodução

PUBLICIDADES E PARCEIROS