Esportes

Corinthians oficializa retorno de Fábio Santos

O Corinthians anunciou nesta segunda-feira a contratação do lateral-esquerdo Fábio Santos, que estava no Atlético-MG. Após a rescisão contratual do jogador com o Galo aparecer no BID, o Timão oficializou o retorno de um de seus ídolos recentes, que conquistou seis títulos pelo clube entre 2011 e 2015. Ele chega com acordo até o dezembro de 2021, com aval do técnico Vagner Mancini.

“Fico muito feliz em voltar. Eu tenho o Corinthians como uma casa. Ganhei muitos títulos aqui e vivi uma época maravilhosa. Espero ajudar muito nesse retorno e estar à disposição o mais breve possível”, disse ao site do Alvinegro.

Pelo negócio o Corinthians não pagará nada ao Atlético-MG, Fábio vem apenas pelo salário que, segundo informações, gira em torno de R$ 280 mil por mês, bem inferior ao teto estabelecido pelo clube. O contrato será assinado até o fim da próxima temporada e estava alinhada desde a última sexta-feira.

No fim de semana, o lateral já havia se despedido dos companheiros no Galo, onde era reserva de Guilherme Arana, também ex-corintiano. Nesta temporada ele atuou em 13 partidas oficiais e marcou dois gols. Seu último jogo foi no dia 10 de outubro, quando entrou aos 34 minutos do segundo tempo, na vitória do Galo por 3 a 0 sobre o Goiás, pelo Campeonato Brasileiro.

A contratação é um pedido de Vagner Mancini, que trabalhou com Fábio no ano passado, em sua passagem pelo Atlético-MG, já que pode acrescentar liderança tanto dentro quanto fora de campo, principalmente em uma posição que ainda não foi totalmente preenchida em 2020, já que Sidcley, contratado por empréstimo para ser titular, não se firmou, e Lucas Piton ainda é considerado muito jovem. Vale lembrar que Carlos Augusto foi negociado com o Monza-ITA.

Sidcley, que está emprestado pelo Dínamo de Kiev-UCR até o fim desta temporada, não terá seu contrato prorrogado e nem a opção de compra será exercida. Sendo assim, Fábio já é um reforço pensando também em 2021.

Pelo Corinthians, Fábio atuou entre 2011 e 2015, quando conquistou seis títulos, entre eles os mais importantes da história do clube, como a Libertadores de 2012 e o Mundial de Clubes do mesmo ano. Além disso, levantou o Brasileirão de 2011 e 2015, o Paulistão 2013, e a Recopa Sul-Americana 2013.

Foto – DIV

PUBLICIDADES E PARCEIROS